Destaque_ Filme_Avatar

Filme: Avatar Director: James Cameron Estreia em portugal: 17-12-2009 Género: Acção/Aventura/Ficção Científica Estúdio: 20th Century Fox Website: www.avatarmovie.com Entre os actores principais: Sigourney Weaver Michelle Rodriguez Filme em 3D que marca o regresso de James Cameron.

21 março 2006

Abrir de uma e fechar de outra porta ...


Foto de: Desconhecido




Sociedades, civilizações, gentes, credos, leis, crenças tudo palavras que nos seguem e perseguem, tudo palavras que não nos deixam ser o "Eu" próprio e verdadeiro, tudo palavras que nos oprimem com as suas "regras" impostas ou que nos obrigam a seguir dentro e em determinados padrões.
Até que ponto somos ou melhor até que ponto cada um de nós como pessoa é capaz de se libertar de todos "eles" e seguir o caminho, fazendo "orelhas de mouco", não a um mas a mais do que um ou se possível a todos?
Decerto alguns diriam eu não, outros nós sim somos capazes.
Então uma coisa temos de admitir, existiu coragem da parte de alguns ao serem convictos e frontais ao dizerem não, mas agora outra questão se levanta dos que disseram sim, iram ter todos a coragem de levar o sim em frente?
Aqui coloco um grande ponto de interrogação...Porquê?!
Pelo simples facto de que falar e dizer algo da boca para fora com ou sem coerência, é de certo modo fácil, nalguns casos até bonito e torna a pessoa em questão num óptimo e excelente centrar de atenções.
Então até que ponto estas pessoas que foram levadas por estes actos a dizerem o sim, são capazes de assumir esse mesmo sim até às consequências mais duras, ou melhor até à realização do sim? Decerto poucas, simplesmente porque não acreditavam nem tinham convicções, eram levados por "falsos sins", eram levados pelo centro das atenções.
Significa então que para se levar em frente seja o que for devemos acreditar, ter fé, depois então lutar e arranjar as forças todas e se possível aliados - algo importante- dá-nos segurança.
Deste modo conseguimos abrir a porta que nos pode dar o acesso ao caminho do dizer sim, ao caminho de sermos nós mesmos, ao caminho de não nos deixarmos ir na onda de todo o conjunto que nos rodeia, mas acima de tudo de sermos nós próprios como pessoas e como seres humanos. surge então um se... se abrimos uma porta uma teve de se fechar. como fechá-la?
Há que fazer mais "orelhas de mouco" e quando insistem simplesmente termos a coragem e dizer, obrigada mas não entro ou não alinho com tal, está a perder o seu tempo, não insista, deste modo muito simples estamos a fechar a ou as portas - outras atitudes podem ser tomadas depende dos casos.
Assim se cada um de nós acreditar mais em si, e tiver a coragem de fazer mais do que uma "orelhas de mouco", estamos a quebrar de algum modo o desseminar do não.
Apenas não nos apercebemos porque somos uma parte muito pequenina num universo muito extenso. Continuemos a fazer pois irá-se notar, demora é tempo... como tudo na vida nada se faz nem se consegue sem esforço e tempo.

5 comentários:

inBluesY disse...

sim ter Fé, parte fundamental para um equilibrio. beijinhos serenos

aprendiz de viajante disse...

Terminaste com as duas grandes palavras chave para tudo isso: esforço e tempo!


Um beijo e boa noite.

Sinapse disse...

Tens razão, é muito importante saber dizer 'não'.

... by the way (e podes dizer não!), queres aceitar o 'convite' para aquele questionário-corrente?

eheheheheh ;))


Bom dia!

paper life disse...

Boa noite. Volto amanhã para ler.

:)

Anónimo disse...

Execelente texto! Muito bom orientador para vida. Que todos leiam com atenção e coloquem em prática, pois só ganham com isso!
Black Bird

Seguidores

 
Mundo do fim do Mundo. Design by Wpthemedesigner. Converted To Blogger Template By Anshul Tested by Blogger Templates.